You may translate my blog if you needing

Pesquisar este blog

A certeza

 photo Cristo_zpsi9u1t9yx.jpg

"Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna." - João 3:16 ARA

Ícones de uma Igreja cristã reformada: de fato bíblica



"E dar-vos-ei pastores segundo o meu coração, os quais vos apascentarão com ciência e com inteligência." Jeremias 3:15 ACF


Da esquerda para a direita e de cima para baixo: Pedro Valdo (c. 1140-c. 1220), Martinho Lutero (1483-1546), João Calvino (1509-1564), John Knox (1514-1572), Charles Spurgeon (1834-1892), Martyn Lloyd Jones (1899-1981), Francis Schaeffer (1912-1984).

Seguidores

Assine minhas postagens

Ars gratia artis!

 photo triunfo444_zpsebb373bd.jpg

Triunfo de Vênus, pura poesia plástica do Renascimento.

Ars gratia artis!

 photo madr_zpsa4265784.jpg

Vênus ou Afrodite, respectivamente, para romanos e gregos, nascendo de uma madrepérola em plena selva amazônica legal, brasileira, de minha cidade de Belém, a capital do Estado do Pará, em uma magnífica escultura no decadente logradouro público de minha referida cidade, na borda do mundo, na Praça da República.

Principia Sapientiae: a Filosofia como mãe e mestra

 photo Rafael_-_Escola_de_Atenas777_zps8e0f0f71.jpg

"Um filósofo é um intercessor, é um sacerdote. Um filósofo é o anfitrião da verdade digna e acessível aos homens." (João Emiliano Martins Neto)


Add me no ZapZap

 photo whatsapp-blue-tick_zpsae2o5yfc.jpg

Principia Sapientiae: Vamos filosofar? Viva a Filosofia!



Assistam ao meu vídeo, supra, em que faço um convite a você, caro leitor, à Filosofia. Meu convite a você leitor que saiamos da Matrix que é a mesmice, o banal do cotidiano e do senso comum tornados como algo muito ruins quando absolutamente inconscientes acerca de suas naturezas intrínsecas.

Entre em contato comigo pelo email (clique no ícone abaixo)









sábado, 25 de junho de 2016

OLAVO DE CARVALHO: MANDELA NUNCA FOI HERÓI

Solidariedade ao deputado Jair Bolsonaro e uma discordância

Jesus Cristo: Lei vivida mais que só prescrita

Cristo é mais que palavras e proposições, não são os preceitos simplesmente cravados na pedra ou vertidos no papel como nesse último caso ficam relegados junto com os pérfidos judeus eternamente anticristãos, os protestantes com seu apego renascentista às letras e línguas humanas. Cristo é um acontecimento da lei divina trazida por Moisés ter sido vivida plenamente por Alguém divino, mas ao mesmo tempo com seu Coração Sagrado humano, demasiado humano, Cristo Jesus nosso grande Deus e Salvador, gente com a gente tão gente que era um proletário obscuro, carpinteiro e não um burguês sonolento e individualista especialista em línguas humanas e propalador de regras que são fáceis de serem vertidas em pedra ou no papel, mas que são sempre um desafio quando efetivamente vividas humanamente e historicamente.

Jesus Cristo é a Lei vivida mais que só prescrita.

"Lógica da Filosofia" (recomendação bibliográfica)




Caros leitores,

Um livro que recomendo a leitura é Lógica da Filosofia do filósofo franco-alemão Éric Weil, editora É Realizações. É excelente, é um livro sistemático em tempos como o nosso para a Filosofia em que o sistema fora abolido. Todo o pensamento de Weil está exposto nesse referido livro. Tal livro é estupendo mostra claramente o filósofo como aquele que é digno de ser chamado de homem, porque é o animal dotado de linguagem com sentido, o zoon logon, o ser do discurso que se opõe à violência, quando, por exemplo, depara-se com seres que biologicamente são considerados humanos, mas não são homens de fato, porque não exploram o discurso, a linguagem com sentido, o mundo das significações, não aprofundam-se na pesquisa do ser. Nessa preguiça e desconhecimento todo de si mesmos o homem comum, o animal com máscara de homem pode mesmo vir a matar o filósofo como houve no passado com Sócrates e até aos nossos dias.

Então, amigos, recomendo, leiam Lógica da Filosofia de Éric Weil e deleitem-se e aprendam a serem um dia em ato o que potencialmente todos nós humanos podemos um dia sê-lo que é o de sermos homens, ou seja, com o discurso escavarmos o mundo rumo à verdade que jaz no abismo, como diria o filósofo pré-socrático Demócrito de Abdera.

sexta-feira, 24 de junho de 2016

A consistência dos dilemas da vida

Os dilemas mostram os abismos que de quando em vez deparar-se-á todo homem concreto, real, que filosofa com a carne e com os ossos, aquele homem que é sério encara-los-á, deveras, se não for um fantoche e uma vacuidade existencial, pois como diria Demócrito de Abdera, a verdade jaz no abismo, é preciso ir até lá para encontrá-la.

O que entendo por Socialismo

Por falar em Socialismo, eu diria que meu Socialismo é uma identificação perfeita do poder com o bem comum, porque indivíduos aburguesados e atomizados não podem dar conta do todo que é a sociedade como as células de um corpo fazem bem individualmente o seu trabalho e missão, mas devem estar em sintonia e em sinfonia concertante umas com as outras, perfazendo assim um corpo e saudável como o de um atleta, mas sobretudo devem estar subordinadas à alma e à uma alma sã que aquela fiel à Santa Igreja Romana, deve ser subordinada ao dogma da fé cristã.

quinta-feira, 23 de junho de 2016

As linhas gerais de minha libertação

Eu diria que as linhas gerais de minha libertação do cativeiro homossexual eis que são:

1) Em primeiríssimo lugar fé em Deus. Sou um homem de fé, sou cristão, católico e se Deus revelou que é pecado, que Ele não quer para o ser humano, imagem e semelhança Sua, as práticas homossexuais e tal revelação é confirmada por Pedro e seus sucessores ao longo da História e assim é ensinado pela Santa Igreja Romana, a única e verdadeira Igreja de Cristo, desde todo o sempre e por todos os santos e doutores católicos, então, amém, eu acato tal decisão e ensino, pois para mim católico eis que Roma locuta, causa finita. E também ensinou Santo Anselmo de Cantuária que devemos crer para compreender, ou seja, credo ut intelligam. As verdades que vem da fé longe de serem algo infra-humano e/ou uma leviandade de quem as aceita, eis que o que vem da fé, é superior ao humano intelecto por referirem-se a Deus que é algo e/ou Alguém acerca do qual nem mesmo a melhor mente humana ou angélica poderia conceber e acerca do qual com exatidão dissertar. Ora, pois, ninguém melhor do que o próprio Deus para definir-se e colocar na mesa a tábua de seus desígnios para a sua própria criação. A fé mostra-se como tudo para mim e o ponto de partida para minha libertação de qualquer pecado em mim e em qualquer ser humano.


2) A homossexualidade parece contradizer a chamada lei natural e a lei natural é a da natureza humana. Ora, que animais praticam homossexualismo isso é notório, mas não adianta o movimento LGBT brandir tal fato na cara de nós, conservadores e cristãos, porque continuaria sendo indigno do homem a homossexualidade, pois é uma prática que não abre-se ao dom da vida e não propicia uma complementariedade afetiva genuína que só ocorre nos sexos opostos, macho e fêmea, apesar das disputas até mesmo dramáticas que há entre os sexos. Ora, e os valores, a moral, a religião, o bom senso, a racionalidade, a arte, a cultura, a estética, a estrutura toda da sociedade complexa e maravilhosa humana vem abaixo com as relações homossexuais, porque vocês podem notar, caros leitores, o quanto os homossexuais precisam questionar as bases mesmas do pensamento e da sociedade para imporem-se ao mundo, ao mundo humano.


3) Enfim, a última linha geral que eu diria que apoia a minha libertação das práticas homossexuais é que mesmo no reino animal, as práticas homossexuais mostram-se indignas de qualquer cachorro, gato ou rato, porque tais bichos em seus instintos percebem bem que entre seus iguais do mesmo sexo não poderão procriar e é evidente, é biologicamente evidente que machos com machos e fêmeas com fêmeas não procriam. De um ânus ou um de uma cloaca não se podem nascer filhos ou filhotes.


Então, eis, caros leitores, em linhas gerais o porquê afastei-me da loucura e pecado infra e sub humano e animal que é o homossexualismo.

quarta-feira, 22 de junho de 2016

A judaização do mundo

Jesus Cristo judaizou o mundo. Com Cristo o mundo tornou-se o eterno judeu e somado ao platonismo, eternizou-se e filosofou-se com todo o rigor próprio da Filosofia, o corpo tornado escravo do espírito, das coisas do espírito.

Filosofia e coragem

Filosofia é coragem, é a coragem de ser o homem por excelência que é o filósofo, se a definição de homem é o animal dotado de linguagem, discurso com sentido. O filósofo não teme nem mesmo a morte, sendo-lhe somente temível o fim do discurso, ou seja, tropeçar no caminho com meros animais, isto é, humanos com máscara de homem, mas que de homem nada tem, pois não são filósofos.

Por que sou ex-gay?

terça-feira, 21 de junho de 2016

Em defesa da homofobia

Os "mophobics", ou seja, os homofóbicos preservaram a espécie humana, a glória da criação imagem e semelhança de Deus, até aos nossos dias. Não fossem pelos "mophobics", homens com homens e mulheres com outras mulheres apaixonar-se-iam uns pelos outros, esqueceriam e não tentariam um acordo dialético com o sexo oposto, desde a aurora dos tempos, e não chegaríamos até aos dias de hoje. A homofobia é fundamental e é um direito fundamental.


segunda-feira, 20 de junho de 2016

Religião, mitologia e Filosofia (relações)

A narrativa mitológico-religiosa é em terceira pessoa e a filosófica é em primeira. Na mito-poesia filosófica temos algo escrito por homens, mas por homens inspirados por Deus, como diz a Bíblia, já na Filosofia o filósofo busca moldar na ordem interior de sua alma o que para ele é desordem exterior.

Um problema dos hereges

Um problema que os hereges sempre repetem em seu meio é se se deve congregar ou não. Ora, a questão é viciada e intrínseca ao meio protestante se se deve congregar ou não. O Protestantismo é uma forma burguesa e individualista de Cristianismo típica de nossa era moderna em que uma teologia, uma doutrina e o cânon bíblico já estavam disponíveis quando da revolta protestante. Mas o Cristianismo que é o Catolicismo e somente o mesmo é antes um acontecimento, é o fato de uma Pessoa, Cristo Jesus, o próprio Deus que veio habitar entre os homens, muito antes de formulações doutrinárias, teológicas e da formulação de um cânon bíblico. Cristo está vivo em seu corpo que é a Igreja ao longo da História, Igreja que ministra os sacramentos que é Cristo novamente entre os homens, sobretudo no sacramento da Eucaristia que na época mesma de Cristo fizera os discípulos de Emaús reconhecerem a Jesus no partir do pão.

Google+ Badge

Um Destino cruel...

Eis, acima, um justo destino para os seguidores do PT!

Add me no Zapzap

 photo whatsapp-blue-tick_zpsae2o5yfc.jpg

Outros sites relevantes

Postagens mais visitadas

Leia também sobre a expiação limitada ou sacrifício eficaz

 photo cristo-bom-pastor 6_zpsufwssugx.jpg


Artigo 8 - A eficácia da morte de Cristo

Este foi o soberano conselho, a vontade graciosa e o propósito de Deus, o Pai, que a eficácia vivificante e salvífica da preciosa morte de seu Filho fosse estendida a todos os eleitos. Daria somente a eles a justificação pela fé e, por conseguinte, os traria infalivelmente à salvação. Isto quer dizer que foi da vontade de Deus que Cristo, por meio do seu sangue na cruz (pelo qual ele confirmou a nova aliança), redimisse efetivamente, de todos os povos, tribos, línguas e nações, todos aqueles, e somente aqueles, que foram escolhidos desde a eternidade para serem salvos e lhe foram dados pelo Pai. Deus quis que Cristo lhes desse a fé, que ele mesmo lhes conquistou com sua morte, com outro dons salvíficos do Espírito Santo. Deus quis também que Cristo os purificasse de todos os pecados por meio do seu sangue, tanto do pecado original como dos pecados atuais, que foram cometidos antes e depois de receberem a fé. E que Cristo os guardasse fielmente até o fim e, finalmente, os fizesse comparecer perante o Pai em glória, sem mácula, nem ruga (Efésios 5:27).

"Cânones de Dort", 2º Capítulo da Doutrina: A Morte de Cristo e a Redenção por meio dela.