You may translate my blog if you needing

Pesquisar este blog

A certeza

 photo Cristo_zpsi9u1t9yx.jpg

"Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna." - João 3:16 ARA

Ícones de uma Igreja cristã reformada: de fato bíblica



"E dar-vos-ei pastores segundo o meu coração, os quais vos apascentarão com ciência e com inteligência." Jeremias 3:15 ACF


Da esquerda para a direita e de cima para baixo: Pedro Valdo (c. 1140-c. 1220), Martinho Lutero (1483-1546), João Calvino (1509-1564), John Knox (1514-1572), Charles Spurgeon (1834-1892), Martyn Lloyd Jones (1899-1981), Francis Schaeffer (1912-1984).

Seguidores

Assine minhas postagens

Ars gratia artis!

 photo triunfo444_zpsebb373bd.jpg

Triunfo de Vênus, pura poesia plástica do Renascimento.

Ars gratia artis!

 photo madr_zpsa4265784.jpg

Vênus ou Afrodite, respectivamente, para romanos e gregos, nascendo de uma madrepérola em plena selva amazônica legal, brasileira, de minha cidade de Belém, a capital do Estado do Pará, em uma magnífica escultura no decadente logradouro público de minha referida cidade, na borda do mundo, na Praça da República.

Principia Sapientiae: a Filosofia como mãe e mestra

 photo Rafael_-_Escola_de_Atenas777_zps8e0f0f71.jpg

"Um filósofo é um intercessor, é um sacerdote. Um filósofo é o anfitrião da verdade digna e acessível aos homens." (João Emiliano Martins Neto)


Add me no ZapZap

 photo whatsapp-blue-tick_zpsae2o5yfc.jpg

Principia Sapientiae: Vamos filosofar? Viva a Filosofia!



Assistam ao meu vídeo, supra, em que faço um convite a você, caro leitor, à Filosofia. Meu convite a você leitor que saiamos da Matrix que é a mesmice, o banal do cotidiano e do senso comum tornados como algo muito ruins quando absolutamente inconscientes acerca de suas naturezas intrínsecas.

Entre em contato comigo pelo email (clique no ícone abaixo)









terça-feira, 17 de novembro de 2009

Filosofia do Nacional Liberalismo Cristão

(Introdução ou um simples rascunho)


"Todo o poder, portanto, ao sangue do Cordeiro e não ao Estado e não ao homem." - João Emiliano Martins Neto


Nesta introdução e simples esboço, quero apresentar - ao meu País, o Brasil ou a antiga, creio eu que não por coincidência, Terra de Santa Cruz - a minha doutrina de filosofia política do Nacional Liberalismo Cristão que prega que a verdadeira liberdade vem pela fé em Jesus Cristo, o Salvador, o Senhor e Filho de Deus. Combatendo em nossa Nação, o Brasil, o que há de corrupção anticristã em toda parte.

Tal doutrina não pretende tornar o Estado brasileiro, em um Estado que professa oficialmente ser cristão. Mas, ao contrário, um Estado que siga o Nacional Liberalismo Cristão, pretende cumprir o mandamento do Senhor Jesus quando Este disse que quem quiser ser o maior que seja como o menor ou que sirva. Ou seja, um político nacional liberal cristão, deverá tornar a sua administração em servidora da comunidade. Porém, em primeiro lugar, em uma administração servidora do indivíduo que é a menor e mais indefesa de todas as minorias. Creio eu que, somente o indivíduo segue sempre, com sinceridade, por compreender a verdade que é Jesus ou ser o verdadeiro agente onde todo o conhecimento (tese do filósofo e meu mestre, o Olavo de Carvalho) e inclusive o conhecimento da Pessoa de Cristo, é possível somente em cada pessoa tomada individualmente em seus próprios caminhos humanos.

A doutrina de filosofia política do Nacional Liberalismo Cristão, pretende, através da ação pontual e modesta do Estado, pregar campanhas que tornem os nossos compatriotas brasileiros pessoas virtuosas, santas ou separadas deste mundo ou verdadeiramente livres, porque o pecado leva a morte e escraviza, segundo a Palavra do meu Deus. Tais campanhas são de tipo moralistas, e de estudos ou intelectuais. Moralistas, de formas a pregar para o povo a castidade e a fidelidade conjugal, além do desprezo a desvios sexuais como o homossexualismo, pedofilia e outros. Também a escrita antes, campanhas de estudo ou intelectuais, porque o Estado nacional liberal cristão, deverá sempre ser laico, portanto, tais campanhas, com o intuito de elevar moralmente, intelectualmente e espiritualmente o meu povo brasileiro, deverão essas campanhas, ressaltar que Cristo Jesus Senhor e Salvador nosso sendo Ele o Logos ou a Razão (segundo o filósofo pré-socrático, o Heráclito de Éfeso) ou Palavra que tudo criou, refaz, dá vida, saúde e salva está presente na forma de sementes (logos spermaticos) no verdadeiro e supremo conhecimento que serão estudadas nas referidas campanhas de estudos ou intelectuais em universidades, escolas e igrejas no Brasil todo.

O Estado nacional liberal cristão, deverá ser mínimo, porque foi a morte expiatória e ressureição dos mortos do Senhor Jesus Cristo por nós que foi suficiente para nos dar sabedoria e ciência supremas, saúde no corpo, saúde na alma, coragem e salvação e não o Estado pode nos conceder, plenamente e para sempre, os citados benefícios. Todo o poder, portanto, ao sangue do Cordeiro e não ao Estado e não ao homem. Amém!


Esboço e introdução de corrupções no meu Brasil que a doutrina do Nacional Liberalismo Cristão, através de seus meios de ação, deverá combater para ser exitosa por aqui:

A liberdade econômica e ainda mais a inspirada na fé em Deus nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, precisará combater, nacionalmente, em meu Brasil, elementos muito recorrentes de dissolução, de corrupção da alma do meu povo que é claro que emperram a liberdade citada no meu país. Por exemplo:

1) A inveja por complexo de inferioridade de brasileiro, que atua, segundo os conhecedores de Brasil, na destruição das grandes almas que surgem de quando em vez em meu País, mas que são boicotadas pelo despeito da maioria que se acha incapaz;

2) A preguiça espiritual e humana que torna o meu povo brasileiro, apático, servil, porque viciosos, beberrões, promíscuos por não se esforçarem, já que são preguiçosos, na busca e conquista, seja ao preço que for, de um sentido (neste passo, estudos em Logoterapia ou em busca de um sentido para vida, serão necessários para ajudar na minha doutrina política) para suas vidas.

Seguem abaixo, alguns autores que, a meu ver, tentaram investigar, e creio que com êxito, o porquê da decadência brasileira.

1) Joaquim Maria Machado de Assis;

2) Lima Barreto;

3) Mário de Andrade;

4) Olavo de Carvalho;

5) Gilberto Freire;

6) Capistrano de Abreu;

7) Sérgio Buarque de Hollanda.

domingo, 8 de novembro de 2009

Um ato de coragem no Brasil

"A fraqueza atrai a agressão." - Donald Rumsfeld, ex-secretário de defesa norte-americano da época do presidente George W. Bush.


Fico sabendo pelos jornais locais de minha cidade que o advogado sr. José Francisco Vieira, de 47 anos, foi executado ontem com dois tiros, um na cabeça e outro no peito por assaltantes que invadiram a sua casa que fica no bairro do Jurunas, periferia de Belém, capital do Pará, por volta das 7 horas e 15 minutos da manhã, depois que o sr. José voltava de uma missa na capela de Santo Antônio de Lisboa, no bairro de Batista Campos, centro da cidade. O homem era genro de um dos sócios do Grupo Líder, o empresário Oscar Rodrigues. O Grupo Líder é uma rede de supermercados paraense.

Considero admirável o heroísmo, a coragem deste sr. José Francisco Vieira que seguiu o que vinha ao seu coração e não a ideologia pregada pelos apologistas do Estado total paternalista que impõe que as pessoas não devem reagir a assaltos, não devem andar armadas - o advogado defunto portava uma arma calibre 38 que usou para reagir ao assalto - não devem nem falar grosso contra quem lhes ameaça.

Realmente, o ato de bravura do sr. Francisco foi um ato de ousadia em um país cada vez mais desfibrado por ideologias espúrias como o marxismo que glorifica bandidos como os que mataram este genro do sócio do Grupo Líder e deprime o cidadão honesto e cristão brasileiro. A fraqueza atrai a agressão, como dizia o secretário de Defesa dos Estados Unidos, Donald Rumsfeld. Ora, passa na cabeça de todo homem honesto, pai de família como o sr. José Francisco que bandidos são capazes de tudo, de estuprar a sua esposa, de fazer mal aos seus filhos, além de afanarem todos os seus bens... Logo, nada mais justo que o homem tivesse cumprido o seu dever rigoroso de proteger os seus e suas coisas, nem que para isso tivesse que dar bravamente a sua própria vida do que esperar pela polícia estatal que levaria muito tempo para acudir e até lá todos já estariam mortos...

Como costuma dizer o missal romano dos católicos, no final da missa, "ide em paz e que o Senhor vos acompanhe", é isso aí, o Senhor e Salvador Jesus Cristo estava com o sr. José Francisco e, através de seu Espírito Santo, deu a coragem necessária para que ele se tornasse um verdadeiro mártir por valores como a família, a liberdade, a vida e o direito de propriedade no Brasil.

Que Deus o tenha e que abençoe e console a sua família. AMÉM!!!!

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Oração dos cristãos estudantes de Filosofia

Em Ti, Senhor, estão encerrados todos os tesouros de sabedoria e conhecimento, porque sabedoria e conhecimento supremos e divinos. 


Por João Emiliano Martins Neto

Deus nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo que És o Rei dos reis e Rei de nós, os cristãos estudantes de Filosofia, porque Tu fostes verdadeiro homem como nós somos realmente homens, mas vencestes o mundo. Vós, ó meu Rei, filosofastes com maestria, pois não Te deixastes dominar pelas aflitivas intempéries metafísicas mundanas, já que nos ensinastes para termos bom ânimo. Em Ti, Senhor, estão encerrados todos os tesouros de sabedoria e conhecimento, porque sabedoria e conhecimento supremos e divinos. Faz que nós, os buscadores da sabedoria, ainda que seja uma sabedoria parcial: humana, tão humana quanto Vós mesmos, ó meu Cristo, experimentastes ser um dia um ser humano, eu imploro a Ti, faz que nós estudantes, isto é, nós que detemos a missão de sermos o mais lúcidos, corajosos e atrevidos que a gente possa para enxergarmos e dizermos a verdade do ser, da realidade, daquilo que simplesmente é, que a gente filosofe ao menos mediocremente. Que a gente filosofe ao menos de forma regular, sempre. Para que, brilhando a nossa luz filosófica, o mundo creia em Ti de forma razoável, lógica e sem histeria, ó nosso Rei Jesus. Tu Jesus que És também o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo, que tiras, entre outros males, as presumidas trevas da anti-sabedoria, da ignorância, da malícia. Senhor, Tu que nos livras da burrice a nós os Teus predestinados para o Paraíso, somente pela Tua graça e mediante a nossa fé em Vós.

Tudo isso eu Te peço, ó meu Pai, em o Nome santo do Senhor Jesus, Vosso Filho. Amém. Obrigado Senhor! Louvado seja Deus!

Google+ Badge

Um Destino cruel...

Eis, acima, um justo destino para os seguidores do PT!

Ars gratia artis!

 photo IMG_20170501_100356_zpsq2vzl3ws.jpg

Add me no Zapzap

 photo whatsapp-blue-tick_zpsae2o5yfc.jpg

Outros sites relevantes

Postagens mais visitadas

Leia também sobre a expiação limitada ou sacrifício eficaz

 photo cristo-bom-pastor 6_zpsufwssugx.jpg


Artigo 8 - A eficácia da morte de Cristo

Este foi o soberano conselho, a vontade graciosa e o propósito de Deus, o Pai, que a eficácia vivificante e salvífica da preciosa morte de seu Filho fosse estendida a todos os eleitos. Daria somente a eles a justificação pela fé e, por conseguinte, os traria infalivelmente à salvação. Isto quer dizer que foi da vontade de Deus que Cristo, por meio do seu sangue na cruz (pelo qual ele confirmou a nova aliança), redimisse efetivamente, de todos os povos, tribos, línguas e nações, todos aqueles, e somente aqueles, que foram escolhidos desde a eternidade para serem salvos e lhe foram dados pelo Pai. Deus quis que Cristo lhes desse a fé, que ele mesmo lhes conquistou com sua morte, com outro dons salvíficos do Espírito Santo. Deus quis também que Cristo os purificasse de todos os pecados por meio do seu sangue, tanto do pecado original como dos pecados atuais, que foram cometidos antes e depois de receberem a fé. E que Cristo os guardasse fielmente até o fim e, finalmente, os fizesse comparecer perante o Pai em glória, sem mácula, nem ruga (Efésios 5:27).

"Cânones de Dort", 2º Capítulo da Doutrina: A Morte de Cristo e a Redenção por meio dela.