Pesquisar este blog

Assine minhas postagens

Google+ Followers

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Uma dantesca oração


"- Pai nosso, que estás nos céus, não circunscrito, mas pelo maior amor que dás às tuas criações primeiras, louvado seja o teu nome e teu valor, por toda criatura, assim como damos graças ao teu doce vapor. Que venha a nós, a paz do teu reino. Dá-nos hoje, o maná de cada dia, sem a qual, neste áspero deserto, retrocede quem mais avançar deseja. E assim como perdoamos aqueles que nos causaram mal, nos perdoa tu também, benigno, sem olhar o nosso mérito. Não deixes que nossa virtude fraca caia na tentação do antigo adversário, mas liberta-nos de suas garras. Este último pedido, senhor, não fazemos para nós, que não carecemos, mas para os que ainda em baixo permanecem." - Dante Alighieri in Divina Comédia (Purgatório, Canto XI)

Google+ Badge

Um Destino cruel...

Eis, acima, um justo destino para os seguidores dos revolucionários hereges protestantes, esquerdistas, liberais e libertários.

Outros sites relevantes

Postagens mais visitadas