You may translate my blog if you needing

Pesquisar este blog

Χριστός λυτρωτής (Cristo, o Salvador)

 photo Cristo_zpsi9u1t9yx.jpg

"Com efeito, de tal modo Deus amou o mundo, que lhe deu seu Filho único, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna." - São João 3:16 (Bíblia Ave-Maria)

Nossa Senhora, a Divina Maria, a Filha de Deus por excelência!

 photo triunfo444_zpsebb373bd.jpg

Denúncia! Filósofo Olavo de Carvalho desmascara Karl Marx


Seguidores

Preclaros Filósofos

anjos photo:  016_big.jpg

Principia sapientiae: Lentes platônico-cristãs

Assine minhas postagens

Ars gratia artis!

 photo triunfo444_zpsebb373bd.jpg

Triunfo de Vênus, pura poesia plástica do Renascimento.

De links longos para links curtos



Enter a long URL to make tiny:



Encurte os links longos para links curtos e práticos. Bom para postagens no microblog Twitter.


Ars gratia artis!

 photo madr_zpsa4265784.jpg

Vênus ou Afrodite, respectivamente, para romanos e gregos, nascendo de uma madrepérola em plena selva amazônica legal, brasileira, de minha cidade de Belém, a capital do Estado do Pará, em uma magnífica escultura no decadente logradouro público de minha referida cidade, na borda do mundo, na Praça da República.

Principia Sapientiae: a Filosofia como mãe e mestra

 photo Rafael_-_Escola_de_Atenas777_zps8e0f0f71.jpg

"Um filósofo é um intercessor, é um sacerdote. Um filósofo é o anfitrião da verdade digna e acessível aos homens." (João Emiliano Martins Neto)


Add me no ZapZap

 photo whatsapp-blue-tick_zpsae2o5yfc.jpg

Principia Sapientiae: Vamos filosofar? Viva a Filosofia!



Assistam ao meu vídeo, supra, em que faço um convite a você, caro leitor, à Filosofia. Meu convite a você leitor que saiamos da Matrix que é a mesmice, o banal do cotidiano e do senso comum tornados como algo muito ruins quando absolutamente inconscientes acerca de suas naturezas intrínsecas.

Entre em contato comigo pelo email (clique no ícone abaixo)









sábado, 16 de março de 2013

Que Deus abençoe o novo líder católico

Por João Emiliano Martins Neto

Que o SENHOR seja propício ao novo mandatário máximo da denominação dos irmãos papistas, romanistas, os católicos.

Benção, paz, saúde, mas sobretudo graça para o novo líder romanista eleito, Francisco, há uns poucos dias atrás.

Graça para que o novo papa saiba, como diz Paulo aos efésios, que pois fomos salvos por graça, mediante a fé, e isso não vem de nós, mas é dom de Deus. Não por obras para que ninguém se glorie (Efésios 2.8-9). Ou seja, a respeito de salvação e a respeito, aliás, de tudo, ora, tudo é graça. Estaríamos na lama do nada não fosse o Alto (Hebreus 11.3).


Primeira missa papal celebrada pelo argentino Francisco (Cardeal Bergoglio)


Que reformas já há quase meio milênio necessários ocorram, finalmente, na Igreja Romana. Sugeriria, por exemplo, uma reforma romana com a franca adoção da doutrina da Predestinação (Romanos 8.29-30 e Efésios 1.5 e 11) Porque, diria como os poetas, que Deus é pai, papai, paizinho, paizão, de fato. Pois Ele provou seu amor por certos homens, pois que se animou a morrer pelos ímpios, quando ainda eles eram embotados ímpios (Romanos 5.6-8). Desejo, por fim, graça divina e da parte de ninguém menos que do verdadeiro Deus, o hebraico-cristão, para que o novo papa saiba influenciar uma reforma na igreja romana tirando a idolatria, o próprio papado e certos costumes bárbaros que tornam o divino Pai graciosíssimo como alguém digno de desprezo, ódio e ressentimento. Vejam, por exemplo, a selvageria que é o Círio de Nazaré aqui na minha cidade de Belém do Pará no Brasil setentrional. Ora, nessa procissão que ocorre no segundo domingo de outubro de cada ano, pessoas, entre outras práticas de um extremo ascetismo absolutamente anticristão, trituram seus joelhos no asfalto das ruas de Belém.

Que, em nome do Senhor Jesus, Francisco seja humilde como o pobrezinho de Assis e haja como Agostinho o qual se retratou de dizer que a Igreja fora fundada sobre Pedro e não, com correção, sobre a doutrina da divindade de Cristo.

Que, finalmente, em nome de Deus, Francisco tenha aquela mesma paz de Deus, graça e misericórdia pelos heréticos irmãos papistas que teve pelo povo argentino. Ora, o Santo Padre Francisco, providencialmente, delatou certos cães comunistas durante a mais duro Ciclo Militar Argentino (1976-1983) no País dele no que fez muito bem.

Deus abençoe o Papa e os irmãos romanistas. Em nome de Jesus e amém. Louvado seja nosso Senhor Jesus Cristo. Para sempre seja louvado.



Sola gratia!

Soli Deo gloria!

domingo, 10 de março de 2013

O Cristianismo verdadeiro e o controlado

Por João Emiliano Martins Neto

Assisti há já algum tempo atrás a uma das aulas de um célebre padre da Arquidiocese de Cuiabá (Mato Grosso, Brasil), o Padre Paulo Ricardo de Azevedo Jr. a respeito de minha religião, o Protestantismo e algo que chamou-me a atenção fora a abordagem ideológica típica dos auto-intitulados católicos, até porque para mim católico é quem é trinitariano como ensinava Atanásio de Alexandria. Ora, a abordagem romana é aquela que inverte a função da Igreja do Senhor como baluarte e sustentáculo da verdade (
1 Tm 3.15) para a condição de usurpadora ontológica da verdade que não pode ser um homem e nem uma instituição.

O homem não refutou em nada, o que se esperaria de uma aula minimamente digna do nome, aos pressupostos evangélicos que são simplesmente bíblicos, meu Deus do céu. Padre Paulo é um ideólogo do Catolicismo e mais nada. Católicos tem um grande problema mesmo em fundamentarem a fé em Deus através de uma observância estrita da Revelação, para tergiversarem pela defesa da tradição católica que é, eu diria, o Talmude deles.

Começo com esses parágrafos para sustentar a minha tese de que tal qual os irmãos papistas, nós, os ditos protestantes, em larga medida abandonamos nosso carisma do protesto, como o próprio referido Padre Paulo reconheceu nos evangélicos quase que um dom espiritual em nossa história de quase 500 anos de empunhamento do estandarte que é a inerrante, infalível, poderosa e claro que suficiente Palavra de Deus. A Bíblia que é a maior declaração escrita de amor de um Deus pela humanidade.

Em larga medida estamos acomodados. Nosso Cristianismo qual o dos católicos, em muito, se parece com o capitalismo chinês. É um Cristianismo patrocinado por potestades humanas ávidas por poder, bajulação e opressão contra o povo de Deus.

Não concebo um Cristianismo controlado por carne e sangue, assim como não concebo um capitalismo como o chinês e mesmo como o brasileiro aonde tanta regulação e as facilidades materiais vindas de um senhorio humano totalitário e por isso mesmo corrompido até ao fundo da medula d'alma e espúrio tornam a religião verdadeira em um mero puxa-saquismo.

O Cristianismo se encontra historicamente sim nos doutores e santos católicos, também nos ortodoxos e por que não nos que com uma lanterninha fuçam dia e noite a Biblia para descobrirem a verdade? O Papa, bispos, patriarcas, o Padre Paulo e muitos líderes, alguns até sicários em potencial como um que conheci e leigos protestantes decadentes de hoje querem é estar como que acima da Bíblia. Querem é ser amados acima de todas as coisas.

Cristianismo não sobrevive em quem nunca se dispôs a experimentar e lutar por liberdade. Não sobrevive sem a liberdade conquistada na cruz por nosso Senhor Jesus Cristo para os filhos de Deus. Deus usa, sim, homens para nos ensinarem, batizarem, administrarem os sacramentos, congregarem conosco e nos governarem. Porém, se o controle passa dos termos bíblicos em que uma pessoa para ser irmão precisa do aval e da convivência com delinquentes perigosos, cadáveres e criminosos espirituais, então, é melhor que os mortos sejam destinados a enterrarem os seus mortos. Fiquemos só com o Mestre, o Deus da vida, hoje, em forma sobretudo de Livro. Jesus é a Palavra. Jesus é, não há porque duvidar, uma edição protestante da Bíblia a nos guiar luminosa em uma tela de tablet ou tele-móvel. Jesus está encadernado em couro naquela Bíblia empoeirada de tão esquecida de nossas casas. Cristo está sobre os altares de mármore preciosíssimos de igrejas e ladeado por velas que simbolizam a nossa fé que o Senhor vive. Só a Palavra pode nos libertar, dar a instrução para sermos cristãos verdadeiros e consumados: protestantes.

Google+ Badge

Um Destino cruel...

Eis, acima, um justo destino para os seguidores dos revolucionários esquerdistas, liberais e libertários.

Ars gratia artis!

 photo IMG_20170501_100356_zpsq2vzl3ws.jpg

Add me no Zapzap

 photo whatsapp-blue-tick_zpsae2o5yfc.jpg

Outros sites relevantes

Postagens mais visitadas